A revista Time colocou na capa um híbrido dos presidentes norte-americano, Donald Trump, e russo, Vladimir Putin.

O processo de transformação de Trump em seu homólogo russo foi publicado pela edição no seu Twitter, processando ambos os retratos em um programa especial.

Primeiro, pode parecer que a capa foi criada com ajuda de um programa que combinou as fotos dos dois líderes, mas não é bem assim, refere a Time. A capa será decorada com uma imagem complexa criada pela pintora Nancy Burson.

​A imagem visa “representar um momento particular na política externa dos EUA após o encontro recente dos dois presidentes em Helsinque, Finlândia”, escreve a revista.

O encontro entre Putin e Trump se realizou em 16 de julho. As conversações em Helsinque se tornaram o primeiro encontro abrangente dos dois presidentes. Durou quase quatro horas e incluiu uma conversa face a face. Na sequência das negociações, Trump declarou que ambas as partes são culpadas das más relações entre os seus países, comunica o portal Lenta.ru.

Depois disso, uma parte dos norte-americanos começou a criticar Trump pela sua lealdade para com o líder russo. Em particular, ficaram indignados com o facto de durante o encontro ele não ter mencionado o envolvimento de Moscovo e do próprio presidente Putin nas eleições presidenciais nos EUA, como insistem os serviços secretos norte-americanos.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.