O jornalista venezuelano e presidente do jornal El Nacional, Miguel Otero, publicou no Twitter o vídeo da destruição de um dos drones abatidos sobre a Avenida Bolívar em Caracas, onde, no sábado (4), teve lugar um desfile militar em homenagem aos 81 anos da criação da Guarda Nacional Bolivariana (GNB).

As imagens registaram um drone e sua explosão no céu, dando para ouvir o discurso do presidente venezuelano, Nicolás Maduro.

Anteriormente, o ministro da Comunicação e Informação venezuelano, Jorge Rodríguez, confirmou os ataques e afirmou que sete cadetes ficaram feridos. Ele também afirmou que “vários drones” foram utilizados para detonar explosivos.

Posteriormente, o ministro detalhou que três drones explodiram durante o atentado.

O próprio Maduro acusou a oposição e autoridades colombianas de terem organizado o atentado. O Ministério das Relações Exteriores da Colômbia desmentiu as acusações do líder venezuelano. Além disso, a Casa Branca também negou envolvimento na tentativa de assassinato de Maduro.

Posteriormente, o grupo auto-denominado Movimento Nacional Soldados de Franelas assumiu a responsabilidade pela explosão.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.