O Petro de Luanda tenta alcançar hoje, a partir das 18h00, o primeiro triunfo diante do 1º de Agosto, quando se defrontarem, na quadra do Catetão, em desafio referente à sexta jornada do Campeonato Provincial de Luanda de andebol sénior feminino.

Depois de três desaires diante da rival, nas Supertaças “Francisco de Almeida”, “Babakar Fall” e na Taça dos Vencedores das Taças, as petrolíferas ambicionam inverter em casa o rumo dos acontecimentos da presente época.

A julgar pelos resultados dos últimos encontros, 23-31, 13-19 e 16-28, as tricolores encontram-se uns furos abaixo em relação às adversárias, e devem puxar dos galões para equilibrarem o ímpeto ofensivo das oponentes.

Defesa aguerrida e ataque certeiro podem fazer a diferença no seio das comandadas de Vivaldo Eduardo. Por outro lado, torna-se imperioso o conjunto acatar as orientações emanadas do banco.

A anulação dos pontos fortes das agostinas é outra via a ser seguida pela turma do Eixo Viário, na luta pelos dois pontos. A perfomance das andebolistas: Edith Bunga, Magda Cazanga, Joana Costa, Vilma Neganga, Teresa Almeida e Delfina Mugongo podem ser determinantes na partida.

Moralizadas pelos feitos recentes, as militares às ordens de Morten Soubak almejam manter a senda de vitórias. Embora reconheçam o valor da equipa rival, as rubro e negras estão decididas a somar pontos em terreno forasteiro.
Impor a tendência de jogo é meio caminho para efectivação da pretensão. A defesa 5-1

pressionante e o ataque organizado são alguns dos trunfos da formação do Rio Seco. Wuta Dombaxi, Albertina Kassoma, Natália Bernardo, Helena Paulo, Janeth Santos e Cristiane Mwasesa são peças fundamentais na manobra das agostinas.

Na Terça-feira, o de Agosto derrotou o “D’Agosto B”, por expressivos 30-16, e o Desportivo da Marinha ganhou ao ASA, 24-17.

Leia mais em: “O troll chegou a Angola”, Elias Cinco Reis

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.