A crise económica tem-se acompanhado de um recrudescimento da criminalidade violenta. Esta semana quatro pessoas foram abatidas por assaltantes em Luanda.

O aumento da criminalidade com destaque em Luanda, preocupa as autoridades policiais que anunciaram novas medidas para combater os marginais.

Esta semana aqui na capital, já foram mortos a tiro quatro pessoas por assaltantes que furtaram elevadas somas em dinheiro. Segundo a polícia que não revelou a quantia roubada, as vítimas foram atacadas por marginais depois de terem levantado o dinheiro em bancos. (clicar aqui)

A Província de Luanda regista um elevado índice de criminalidade. Assassinatos, raptos e roubos tornaram-se frequentes, que se reclama por mais policiamento para fazer face aos crimes.

A crise económica que vive agora, que já produziu milhares de desempregados e o crescente índice de pobreza da maioria da população, estão associados ao aumento da criminalidade no pais, segundo as organizações de direitos humanos.

Angola vive o quarto ano de recessão económica. As medidas macro-económicas do Executivo do Presidente João Lourenço, ainda estão longe de responder às necessidades sociais básicas da maioria da população angolana.

Ler também: Adalberto da Costa Júnior é o novo líder da UNITA

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.